Seja bem-vindo. ao site da FPC.
São Paulo




Acasalamento



O acasalamento pode ser feito em qualquer época do ano, sendo mais aconselhável o período que vai de junho a novembro. Nesses meses o clima é mais seco e não faz muito calor, facilitando a criação. Além disso, a primavera é a estação em que eles se procuram naturalmente para se procriar.

Por sua natureza, os pombos são fiéis e monogâmicos. Não é à toa que se tornaram o símbolo do amor: são românticos, namoram com o bico em agrados mútuos que se parecem com beijinhos. No entanto, em ambiente de criação nem sempre é assim. Muitas vezes convém forçar o acasalamento pelas qualidades dos reprodutores, com o fim de obter filhotes mais aptos. Nesses casos, a criação deve ser fechada, em instalações específicas, que assegurem a identidade do pai e da mãe.

Grandes ou pequenos, jovens ou velhos, podem ser excelentes voadores. A idade dos pombos (mas não suas características físicas) em nada afeta o seu valor com reprodutores. Com um ano de idade um pombo já está totalmente desenvolvido e pronto para procriar. Daí por diante poderá reproduzir até os 10 anos de idade sem problemas. Os mais velhos exigem mais cuidados, porém vale a pena se o pombo for de alto gabarito.

Lembre-se que qualquer pombo ao ser acasalado, deverá estar em perfeitas condições de saúde, caso contrário, a doença que eventualmente possa ter será transmitida com rapidez aos filhotes.



Postura



Uma vez feito o acasalamento, o macho persegue constantemente a fêmea, e só sossega quando ela vai para o ninho. Desse modo ela não põe os ovos em qualquer lugar, e não corre o risco de quebrá-los. No período que antecede a postura o casal coleta o material e constrói o ninho. Em se tratando de criação, você deve colocar uma tigela de plástico ou de barro, mais ou menos de 30 cm de diâmetro e 10 cm de profundidade. Ponha também areia ou palha para facilitar o trabalho dos pais (a de pinheiro é a mais recomendável por ser menos úmida), além disso, as aves se divertem bastante com a palha, montando e desmontando o ninho.

- A fêmea bota dois ovos, sendo que o primeiro ela coloca por volta do décimo dia, sempre ao final da tarde. Descansa por 24 horas e no dia seguinte põe outro, entre 12 e 14 horas. Daí para frente é o tempo da incubação, que dura de 17 a 19 dias, dependendo da temperatura ambiente. Macho e fêmea se empenham nesta tarefa, se revezando em turnos.

- Ao fim do tempo de choco nascem os borrachos (como se denominam os pombos de até um ano de idade). Eles se libertam da casaca cortando-a com o bico. Aqueles que não conseguirem nascer por força própria, necessitando de interferência do criador para a retirada da casaca, dificilmente serão bons voadores.

- Tire duas, ou no máximo, três crias por ano de cada casal. Depois separe-os para não enfraquecer os pais e filhotes.
ÁREA DO COMPETIDOR

Código competidor:

Senha:

esqueci a senha ou código competidor

LEILÃO DE POMBOS

LEILÃO DE REPRODUTORES IMPORTADOS
A RENOVAÇÃO DE PLANTEIS E A PROCURA POR MELHORES POMBOS SE INTENSIFICA. NINGUÉM QUER FICAR PARA TRÁS...
Participem: www.ccbleiloes.com.br

ANÚNCIOS

Anilhas de marcação
Venda de anilhas de marcação em várias cores.
Valor: R$ 15,00 o cento mais despesas de envio.
Pedidos: 11 2910-5384 / 11 9918-4978 com gilberto Antônio. E-mail: gilanfer@uol.com.br









Contato: pombo@fpcolumbofilia.com.br


home   |   quem somos   |   diretoria   |   sobre a columbofilia   |   seja um columbófilo   |   competiçoes resultados   |   competiçoes calendário

Sobre o pombo correio:    aquisição de pombo   |   instalações   |   pombal   |   alimentação   |   acasalamento   |   suas cores